NOSSA POLITÍCA

29 de ago de 2010

Fiuk, o autêntico

 Atualizado 28.08.2010 às 3:30 
por: Daniel Paz
Daniel AlfayafiukFiuk no Fashion Weekend Kids
Fashion Weekend Kids, evento de moda infantil e pré-adolescente no shopping Iguatemi, hoje, hora do almoço. Não é a imprensa que faz um alvoroço em cima de Filipe Galvão, mais conhecido (e bem mais conhecido) como Fiuk. São as fãs, claro, que assistiram “Malhação” e ouvem a banda Hori. Na minicoletiva de imprensa após o desfile do qual participou (apenas dando o ar de sua graça – porque a coleção assinada por ele é de outra grife), só cerca de 10 jornalistas estavam ali pra fazer perguntas. O rapaz que vai fazer 20 anos em outubro é bem carismático, articulado e tem um discurso bacana: toda hora se reafirma dizendo que ele é assim mesmo do jeito que se mostra, que só faz o que gosta e acredita, que é verdadeiro, que escuta o coração pra saber como agir.
Quanto à sua relação com a moda, a linha que fez para a Naguchi, a N.G.C.H For Fiuk, tem 40 peças bem coloridas como era de se esperar – vide Família Restart, o legal entre os pré-adolescentes agora é ser bem colorido, à la nu ravers de 2, 3 anos atrás. Ele garante que participou de todo o processo criativo. De onde vem a inspiração, então? “De bandas, de arte… Uma pintura é uma referência, por exemplo. Uma frase de música que eu gosto também.” O artista garante que não “pega” o estilo de ninguém e procura usar as roupas que gosta. Mas tem algo que nunca entraria em seu guarda-roupa? “Não sei, porque mudo de ideia. Há 2 anos não usaria calça rosa, e hoje eu usaria.”
Avalie o Conteúdo:

0 comentários: