NOSSA POLITÍCA

22 de abr de 2011

Nova droga pior que o crack começa a se popularizar e preocupa governo do Brasil

 
Assim como o crack, droga também é derivada da cocaína

Semelhante ao crack, o oxi vai ser mapeado no Brasil  

Uma nova droga pode estar se popularizando no Brasil. Descoberto no Acre, na fronteira com a Bolívia, o oxi (oxidado) é uma droga derivada do refino da pasta de cocaína, utilizando-se ainda querosene e cal na composição. O entorpecente surgiu no começo dos anos 2000 e, agora, a Fundação Oswaldo Cruz, no Rio de Janeiro, quer mapear o uso da substância no País.
Até momento, há relatos de pelo menos 18 mortes causadas no Piauí pelo uso do entorpecente, só este ano. Mesmo com o alto número, o Estado ainda não fez apreensões da substância.
O que é o oxi?A droga, em formato de pedra, é um produto concentrado com 80% de cocaína, que pode destruir ainda mais que o crack - também feito a partir da cocaína, mas em 40%, e extraído com bicarbonato de sódio.
Um dos principais atrativos do oxi é seu preço, custando entre R$ 2 e R$ 5 por pedra, enquanto o crack custa R$ 10, em média. Consumido da mesma forma que o crack, ele também é utilizado com cigarros de maconha e tabaco ou aspirado em pó. Um dos resultados do consumo é a fissura, que começa com a euforia e termina na paranoia.
Este ano, o oxi acabou chegando a São Paulo, para a região já conhecida como Cracolândia, no centro da capital paulista. Lá, dependentes do crack já não conseguem mais diferenciar as duas drogas.
                                                                                                               Fonte: MTV                                  
Avalie o Conteúdo:

0 comentários: