NOSSA POLITÍCA

22 de jan de 2012

Vasco derrota Americano com facilidade em Macaé

Alecsandro e Fágner fazem os gols da vitória cruzmaltina por 2 a 0 na estreia do Campeonato Carioca

                Esporte em Foco                        

Diego Souza, Alecsandro e Fellipe Bastos comemoram o primeiro gol do Vasco

Diego Souza, Alecsandro e Fellipe Bastos 

comemoram o primeiro gol do Vasco
Crédito: Globoesporte.com

O Vasco começou com o pé direito no Campeonato Carioca com a vitória por 2 a 0 sobre o Americano de Campos, no Moacyrzão, em Macaé. O mando de campo era vascaíno, mas devido às obras em São Januário a partida acabou ocorrendo fora da Colina Histórica. Os gols do Cruz-Maltino foram marcados por Alecsandro e Fagner.

CLIQUE AQUI E CONFIRA A TABELA COMPLETA DO CAMPEONATO CARIOCA E OS PRÓXIMOS JOGOS

O jogo

Domínio cruzmaltino


O Vascão entrou com poucas novidades se comparado ao ano passado. A única estreia dos jogadores contratados para está temporada foi a do lateral-esquerdo Thiago Feltri, vindo do Atlético-GO. O zagueiro Rodolfo, o meia argentino Abelairas e o atacante equatoriano Tenorio ainda não estão em condições de jogo.

A grande novidade vascaína foi o argentino Chaparro, que foi contratado em 2011, mas atuou pela primeira vez como titular neste jogo diante do Americano por causa da suspensão de Allan. Felipe, Eduardo Costa, Rômulo e Eder Luis ainda não estão a disposição do técnico Cristóvão Borges por estarem se recuperando fisicamente. Com isso, Fellipe Bastos e Nilton foram titulares na tarde deste domingo, com Juninho atuando na meia e Diego Souza como atacante, assim como ocorreu no final do Brasileirão de 2011.

A partida começou com o Trem Bala tendo mais posse de bola que o Americano, trocando muitos passes no meio de campo, com a qualidade dos passes de Juninho, mesmo muito marcado, e uma grande movimentação do estreante Chaparro. A equipe de Campos, por sua vez, fechava-se na defesa, aguardando um contra-ataque, principalmente pelo lado direito, para chegar com perigo à meta de Fernando Prass.

Mesmo com a superioridade na posse de bola, o Gigante da Colina estava com muita dificuldade de transformá-la em oportunidades de gols, devido a forte marcação adversária, os erros de passes pela falta de treinamento e o forte calor na cidade de Macaé.

A primeira chace clara para abrir o placar ocorreu aos 25 minutos com Alecsandro. Nilton deu um belo passe de trivela para Fagner, livre na ponta direita, cruzar para o camisa nove de São Januário, na primeira trave, cabecear para fora com muito perigo.

Aos 30 minutos, o artilheiro da Colina não perdoou. O Reizinho deu um passe espetacular para Fagner, que cruzou para Alecsandro, dentro da pequena área, fazer o primeiro gol do Vascão no ano de 2012. Logo depois do tento, Thiago Feltri quase ampliou para a equipe vascaína, mas o goleiro Erivélton, ex-Vasco, conseguiu fazer a defesa.

A vantagem no placar deu mais tranquilidade ao time, que se soltava no gramado do Moarcyrzão. Leandro Chaparro deu um chapéu sensacional no meia do Americano, Pachola, que fez a falta e foi advertido com o cartão amarelo. Na cobrança da falta, Juninho colocou a bola na segunda trave, Dedé tocou de cabeça para trás, mas a zaga adversária conseguiu afastar o perigo.

O Cruz-Maltino ampliou a contagem aos 39 minutos com Fagner depois de uma troca de passes muito envolvente. Juninho opta por uma cobrança curta da falta, tocando para Dedé. O melhor zagueiro do Brasil viu o lateral-direito do Vascão entrando na área em velocidade, com um trem bala,e passou para o camisa 23 marcar o tento na saída do goleiro.

O Gigante da Colina apenas administrou o resultado no final da primeira etapa com o controle do jogo, e da posse de bola, no meio de campo.

Vascão diminui o ritmo e administra o resultado

O Trem Bala da Colina diminuiu o impeto ofensivo no começou do segundo tempo, trocando bastantes passes no campo defensivo, sem levar muito perigo ao Americano, que tentava ficar mais tempo no ataque, mas sem conseguir muito sucesso. Fellipe Bastos, ainda no começo da etapa, acabou sendo atingido pelo adversário e foi atendido pelo departamento médico do Vasco antes de retornar ao gramado.

Aos 16 minutos, Chaparro recebe bom passe dentro da área, mas foi travado na hora da finalização. Diego Souza na sequencia tentou armar um novo ataque, porém acabou errando o passe. Poucos instantes depois, o argentino Chaparro, que fazia uma boa partida, foi substituído por Jonathan, devido ao cansaço do camisa 45.

Com a alteração, Diego Souza foi deslocado para o meio de campo e Jonathan foi para o ataque vascaíno. Thiago Feltri faz ótima jogada e, da entrada da área, chutou de perna esquerda para a defesa de Erivélton, que conseguiu fazer a defesa em dois tempos.

Em um lance insolado na metade do segundo tempo, em uma disputa de bola, Jonathan e Márcio Loyola se estranham e o jovem atacante vascaíno é expulso, enquanto o atleta do Americano, injustamente, continuou em campo.

Cristóvão Borges, percebendo o cansaço do estreante Thiago Feltri, que fez uma boa partida, colocou o prata da casa Max em campo. Com um jogador a menos que o adversário, o Vascão passou à administrar ainda mais a posse de bola. O Americano buscava pressionar, mas não conseguia vencer a zaga vascaína.

A equipe de Campos chegou com perigo em dois momentos. No primeiro, a falta, na entrada da área, foi cobrada por cima da meta de Fernando Prass. Minutos depois, o jogador americano, Loyola, recebeu passe perto da meta cruzmaltina, porém finalizou para fora. Foi a última jogada de perido da partida que terminou com a vitória do Vascão em sua estreia no Carioca.

Próximo jogo

O Gigante da Colina enfrentará o Duque de Caxia, no mesmo estádio de sua estreia, no Cláudio Moacyr, em Macaé,no próximo domingo (29), às 17h.

FICHA TÉCNICA
VASCO 2 X 0 AMERICANO

Local: Estádio Moacyrzão, em Macaé (RJ)
Data/Hora: 22/1/2012 - 17h (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Auxiliares: Lilian da Silva Fernandes (RJ) e Andréa Izaura de Sá (RJ)
Cartões amarelos: Pachola, Evandro, Marconi (AME)
Cartões vermelhos: Jonathan, 31'/2ºT (VAS)
Gols: Alecsandro, 30'/1ºT (1-0); Fagner, 39'/1ºT (2-0)

VASCO: Fernando Prass; Fagner, Dedé, Renato Silva e Thiago Feltri (Maz, 31'/2ºT); Nilton, Fellipe Bastos, Juninho e Chaparro (Jonathan, 18'/2ºT); Diego Souza e Alecsandro. Técnico: Cristovão Borges.

AMERICANO: Erivélton, Alex, Adalberto, Ricardo Braz e Márcio Loyola; Caetano, Paulo Vítor, Pedro (Tardelly, 32'/2ºT) e Pachola (Marconi, 17'/2ºT); Evandro (Wanderson, 40'/2ºT) e Hugo. Técnico: Moacir Júnior.

Fonte: Site oficial do Vasco 
Avalie o Conteúdo:

0 comentários: