NOSSA POLITÍCA

13 de mar de 2012

Geisy Arruda ganha R$ 40 mil de indenização de universidade


A atriz não quis recorrer a decisão do juiz

A Justiça de São Paulo decidiu manter, nesta terça-feira (13), a indenização de R$ 40 mil, por danos morais, à Geisy Arruda, da Universidade Uniban, de São Bernardo do Campo. Inicialmente, a ex-universitária recorreu da decisão, exigindo um valor maior, mas desta vez a atriz preferiu acatar a decisão judicial.
Em entrevista a O Fuxico, Geisy revelou que está aliviada por colocar um ponto final na briga contra a universidade.
“Mantiveram o valor, eu poderia recorrer, mas não quis. Preciso colocar um ponto final nesta história. Esta é uma decisão minha, mas eu resolvi não recorrer novamente. Já virou essa página, isso é uma sombra em minha vida”, disse Geisy .
De acordo com a agora atriz do quadro Escolinha do Gugu, da Record, recorrer só causaria mais gastos financeiros e desgastes físicos e psicológicos.
“Vou seguir a minha vida e a Uniban a dela com os alunos dela. Isso era algo que me cansava”, revelou a atriz aliviada.
Relembre o caso
Em outubro de 2009, Geisy foi hostilizada por alguns alunos da Uniban por ir à aula com um vestido curto. Na ocasião a atriz, que era estudante de Turismo, foi expulsa da faculdade sob a alegação de “desrespeito á moralidade e à dignidade acadêmica”.
Em 2010 a universidade foi condenada pela justiça de São Paulo a pagar R$ 40 mil de indenização por danos morais. A defesa de Geisy, que pedia R$ 1 milhão, recorreu a decisão, que agora foi aceita por ambas as partes.
Avalie o Conteúdo:

0 comentários: