NOSSA POLITÍCA

18 de jul de 2015

Polícia Civil prende integrantes de grupo especializado em roubo de cargas no Estado

Policia-Civil-prende-foragido-da-Justica-em-Flexal-II-Cariacica-ESPoliciais civis da Delegacia de Crimes Contra o Transporte de Passageiros e Cargas (DCCTPC) com apoio de militares prenderam, nessa quinta-feira (16), sete pessoas suspeitas de integrarem uma associação criminosa especializada em roubo de cargas, adulteração e receptação de veículos. Três dos detidos foram localizados no município de Ibatiba e os demais foram presos em Minas Gerais. O grupo está relacionado em pelo menos 10 investigações da Polícia.
Entre os detidos está Walter Gonçalves de Araujo, 58 anos, apontado como o chefe do grupo. Além dele, outras seis pessoas, entre elas duas mulheres, foram detidas. De acordo com o responsável pela operação, delegado Tarcísio Otoni, as investigações começaram há cerca de cinco meses, após um roubo de uma carga de cigarros em Vila Velha. Ainda segundo o delegado, o grupo agia no Espírito Santo, Minas Gerais, e atualmente, existem membros que agem em uma região do Rio de Janeiro.
O delegado informou que os suspeitos roubavam carros de passeio para realizarem as abordagens aos veículos de carga. “O grupo possuía vários tipos de abordagens. Em uma delas, eles deixavam uma das mulheres na estrada, simulando uma pane no veículo e quando a vítima parava para ajudar ou passava devagar para ver o que estava acontecendo, eles abordavam e roubavam o veículo e a carga”, explicou Tarcísio Otoni.
Otoni ainda contou que após o roubo eles levavam a carga para a fazenda de W.G.A., na divisa do Espírito Santo com Minas Gerais e definiam o que seria feito com o carro roubado. “Muitas vezes eles desmanchavam o veículo e vendiam as peças ou então adulteravam os chassis para vendê-lo. Eles também clonavam as placas para que fossem utilizadas em outros roubos”, informou o responsável pela operação.
O responsável pela operação disse que três integrantes da quadrilha continuam foragidos: Geovane Simão, de 30 anos, Matarazo Godinho, 23 anos, e Jonath Gonçalves de Araújo, de 29 anos, que é filho de Walter, apontado como chefe do grupo.
As mulheres foram encaminhadas para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Vila Velha. Os demais foram encaminhados para o Centro de Triagem de Viana (CTV), onde permanecem à disposição da Justiça.
“Os roubos de cargas no Espírito Santo estão diminuindo. Em 2013 foram 83 casos, no ano passado 44. Com a prisão desses criminosos acreditamos que vamos reduzir ainda mais o número de roubo de cargas no Estado”, frisou Otoni.
Fonte: Polícia Civil
Record News Espírito Santo / Rede Sim Sat
Avalie o Conteúdo:

0 comentários: