NOSSA POLITÍCA

2 de ago de 2012

Biólogos acham anfíbio raro em usina no rio Madeira

                                                                                                                                               Atualizado em 02-08/2012

Um animal raro foi achado por biólogos no rio Madeira, na região da usina hidrelétrica de Santo Antônio, em Rondônia.

O "Atretochoana eiselti", que pode ter até um metro de comprimento, é um anfíbio sem pulmão ou escamas externas. O bicho é do grupo de espécies chamado popularmente de cobra-cega e respira pela pele.

O exemplar já era conhecido mas só agora se confirmou seu habitat. Os biólogos, segundo a usina, acharam seis animais em um local em obras.

Três foram devolvidos ao rio Madeira, dois foram preservados para estudos e um morreu. Em comunicado publicado pela usina, o biólogo Juliano Tupan destaca o fato de o animal não ter pulmões apesar de ser grande. Em geral, afirma, só animais pequenos, como salamandras, vivem sem pulmões. O achado do animal foi descrito em artigo publicado pelo "Boletim do Museu Paraense Emilio Goeldi".
 

Por Folhapress
Avalie o Conteúdo:

0 comentários: